Wish Books

#WishBooks Especial: Nicholas Sparks


Hello, todo mundo!

O que a gente mais sente vontade na vida depois de comer? Quem respondeu ter/comprar livros acertou e ganhou um milhão que comprei lá na feira ontem.

Não tem como desejar livros sem querer os do seu autor preferido, não é verdade? E o meu é o rei do romance, modéstia a parte, o Nicholas Sparks. E que nem minha amiga diz a relação com ele e de amor e ódio. Que nem diz aquela música: i hate u, i love u. Esse desejo por livro de romance começou com ele e só aumentou porque faz tempo que não leio nada novo dele. Ou seja, minha lista tá enorme.  Sabe aquela vontade de ler algo que você sabe que vai gostar com certeza, porque ele tem a receita certa embaixo da manga, não é nem carta é receita mesmo.

Os últimos lançamentos dele foram lançados pela Editora, do coração, que é a Arqueiro. De abril de 2016 a abril desse ano. E lógico que estão no topo da lista de desejados.

O Guardião

Julie perdeu o marido para uma doença impiedosa, ele lhe deixou dois presentes um cachorro e a promessa de que cuidaria dela pra sempre. 4 anos depois ela está disposta a tentar amar novamente, e tem 2 candidatos ao cargo. O negocio é que sua escolha transformará sua vida em um pesadelo.

Alguém duvida de como essa história é maravilhosa? Ainda mais que ela foi adicionada a categoria de suspense. Sim, é o que promete a nova faceta de Sparks. Eu acredito que tem tudo pra estar muito interessante e de arrepiar essa história.

Para comprar: http://amzn.to/2sNYrbk

Dois a dois

Em Dois a dois, Nicholas Sparks conta a história de um homem que precisa se redescobrir e buscar qualidades que nem desconfiava possuir para lutar pelo que é mais importante na vida: aqueles que amamos.

Outra coisa que o Nick é mestre: contar historia de pai com filha. Sim, ele já fez isso em “A Primeira Vez” (um dos meus livros preferidos e que mais sofri) e voltou com a temática. Eu acho muito linda essa relação quando ela é saudável e faz bem pros dois lados, o que nem sempre acontece na realidade. Bom, deve ser muito fofo e cheio de emoção. Alguém duvida do potencial desse autor?

Para comprar: http://amzn.to/2rQ7wmF

No seu olhar

Ao confrontar as diferenças entre os dois, eles questionarão as próprias convicções. E ao enxergar além das aparências, redescobrirão a capacidade de amar.

Esse é mais um daqueles romances entre altos e baixos, e que a gente torce do começo ao fim. Maduro, ele com certeza deve trazer muitas lições sobre a vida a dois, e intrapessoal (consigo mesmo). Quero muito! Fora essa capa. Esse livro já apareceu nos posts passados dessa categoria, o que prova como ele é desejado. Acho que a Arqueiro devia dar um livro por cada post que ele aparece aqui. E ai, patrocina nós arqueiro?!

Para comprar: http://amzn.to/2r250pq

E como se já não bastasse nos fazer desejar livros inéditos a cada semestre, a Editora Arqueiro relançou livros antigos com capas novas simplesmente MARAVILHOSAS-PERFEITAS-LINDAS-INCRÍVEIS! Serio, eu quero tudo de novo! Olha essa padronização das capas?! AAAH! Eu surtei! Preciso. Por favor  Arqueiro, vamos criar uma amizade sincera? Nunca te pedi nada. E sim, nunca fui tão pidona, mas é a arqueiro amores? Os melhores livros vêm deles. O amor entre nós é caso antigo.

Por Téh


Esse post não é patrocinado. Sobre a editora acesse: www.editoraarqueiro.com.br

 

Já seguiu as nossas redes sociais? Juro que é mais rápido que saber do novo lançamento do Nick (ou não):
#Facebook  #Instagram  #Twitter #Skoob #Wattpad #LuvBook
Resenhas

#Resenha Caindo na Real (Wise Up) – Nicole Chaves

Hello, pessoas! Vamos cair na real que essa história é muito pé no chão, super atual e que deve acontecer demais mundo afora.

Conta a história de Elisa e de como ela enfrentou vários conflitos em um único momento da sua vida. É assim mesmo a vida… A gente pode tá na pior e vem à vida e te mostra que o buraco pode ficar ainda mais fundo. Mas calma que como tudo na vida real nos serve para aprender, na vida da Elisa ela também aprende várias lições.

Elisa é uma garota muito religiosa, que nem sua mãe a ensinou e ela segue rigidamente. Clara, era sua melhor amiga e inclusive fazia parte do mesmo grupo de jovens que Elisa na igreja. Como eu disse era sua melhor amiga. Isso porque Clara revelou quem realmente era e que gostava de Elisa muito mais do que apenas como amiga. Complicado quando isso é visto como algo abominável para Elisa. Pois é, muito indignada com a forma como Clara lhe mostrou isso, Elisa a chama de aberração e sua amiga fica muito chateada. Polêmico? Você ainda não viu nada.

Sua mãe também está muito doente, com câncer em estágio avançado e não há mais o que fazer. Desesperador para uma filha. Eis que sua mãe lhe revela que até então seu pai que estava morto pode estar andando pela terra normalmente (só pra quebrar um pouco o clima pesado, não disse que a historia ia ser leve). Ansiosa como ela é, Elisa vai atrás dele e é muito bem recebida por sua tia Olga, já por seu pai…

E é longe de casa que Elisa descobre o maior segredo de sua mãe.

Organizado em 29 capítulos, em páginas que você devora rapidamente por ser uma leitura fácil e direta, Caindo na Real, é uma história de grandes segredos que acabam sendo descobertos em uma sequência de tirar o fôlego. Gostei muito dessa história realista que tem moral e faz a gente pensar, e questionar, e sermos menos extremistas.

Se você quiser ler é só comprar o ebook nesse link: http://amzn.to/2rx5Tel

Por Téh


Leia outras resenhas da escritora aqui no blog: Sinfonia Agridoce e Notas de Violet  .

Maiores informações, acesse:  www.chavesnicole.com


Já seguiu as nossas redes sociais? Juro que é mais rápido que cair na real:
#Facebook  #Instagram  #Twitter #Skoob #Wattpad #LuvBook
Resenhas

#Resenha Temporada de Acidentes – Moïra Fowley-Doyle

Olá, pessoas! Essa resenha vai ser a mais diferentona que vou escrever, pois vou tentar ser meio termo sobre essa história, que até hoje não sei se gostei completamente. Mas antes se você quer saber o que eu esperava dessa história leia o Julgando pela Capa (lá vocês vão ver minha empolgação por esse livro). Por isso que dizem que quer ver capa não ver coração (tá eu posso ter acabado de inventar isso).

Temporada de acidentes da escritora Moïra Fowley-Doyle (não sei pronunciar e você?) pela editora Intrínseca, conta a história de Cara e como ela descobre certos segredos sobre a dita cuja época desastrosa de sua vida. E o que é isso caro leitor, você me pergunta. E eu digo. Durante o mês de outubro de todos os anos a família de Cara fica mais “propicia” digamos assim a sofrer acidentes, seja dos mais bobos até quebrar ossos. A mãe de Cara e de Alice, sua irmã mais velha, sempre tentar tomar algumas medidas preventivas para que o mínimo de desastres acontecesse. Eles andam com casacos extras, a casa fica toda forrada nas quinas e eles iam a pé para o colégio.

Acidentes acontecem. Ossos de quebram, a pele sofre cortes, o coração se parte. Sofremos queimaduras, nos afogamos, continuamos vivos.

Beleza, agora você pensa “massa vai acontecer acidentes loucos” e tal… não acontece. Acho que foi isso que decepcionou um pouco na história. Eu esperava mais ação, adrenalina e sangue. Nossa pareci muito trágica e exagerada agora, mas foca no nome do livro? É pra se pensar assim concordam?

O que vem em seguida é uma perseguição que a Cara encasquetou e confesso que depois isso teve tudo a ver com o mistério sobre a temporada de acidentes e também tudo a ver com o medinho que me fez passar. Explicando: ela viu que Elsie, uma garota que brincava com ela quando pequena e que estuda no mesmo colégio, em várias fotos no seu celular. Estranho ela nunca ter percebido antes ne? Por isso no dia seguinte ela vai atrás de Elsie no colégio. Mas cadê a guria? Evaporou! Sumiu chá de invisibilidade, só pode.

Elsie é discreta na sala de aula, ninguém percebe sua presença. É como se levasse a vida sempre no canto da moldura. A gente a esquece assim que vira a página.

Ai começa a investigação de Cara na busca por Elsie para saber por que ela estava naquelas fotos se Cara nem se lembrava de vê-la naqueles momentos. Nisso ela envolve sua Melhor Amiga Bea, seu “irmão-postiço-que-ela-tem-uma-queda” Sam e sua irmã Alice que tem um namorado estranho, em várias situações na intenção de saber o que aconteceu com Elsie.

Serio, esse foi o primeiro livro a me dar um medinhozinho, até porque eu não esperava isso dele, sabia que era ficção, mas como eu disse eu esperava por acidentes. Mas já alerto que tem um suspense tenso. Talvez isso seja lógico. Bom, e o que acontece de acidentes são bobos, bom até o ápice que lógico que não vou contar.

E o que o desaparecimento de uma menina tem de ligação com a definição da temporada de acidentes? Bem, é realmente um desenrolar surpreendente. Fiquei toda arrepiada enquanto lia! Foi por isso que fiquei encima do muro, 50% achando bom e 50% não muito. E claro que os segredos que rondam a vida de todos dessa história acaba sendo algo que lhe prende para que você (eu curiosa como sou) continue ansiando por mais páginas. No mais você leia e forme sua opinião, ah e não se esquece de me dizer em qual lado da minha porcentagem você ficou.

Por Téh


Já seguiu as nossas redes sociais? Juro que é mais rápido que se proteger de um acidente nessa temporada:
#Facebook  #Instagram  #Twitter #Skoob #Wattpad #LuvBook
Resenhas

#Resenha Notas de Violet (The Violet Hour) – Nicole Chaves

Hello, it’s me…

Sim, estou totalmente num clima de música internacional. E vou explicar o motivo agora mesmo: Trouxe uma resenha para vocês sobre o livro Notas de Violet – The Violet Hour, da Nicole Chaves.

Apesar de a autora ser brasileira o livro tem o cenário nos EUA. A história começa com um relato em terceira pessoa sobre o passado de um menino chamado John, pianista dos melhores e que estava sofrendo com a perda da mãe e ausência do pai. Então, Violet, neta da governanta, entra em cena trazendo cores e música novamente pra vida do novo amiguinho.

Após isso, a história dá um pulo no tempo e lugar Bem Doctor Who e começa a contar, em primeira pessoa, a história de Anne. Anne é uma mulher de 20 e poucos anos lutando pelo sonho de ser escritora. Tudo começa com a personagem bem na bad mesmo, andando pelas ruas e pensando em como tudo tá dando errado na vida dela. Bichinha. Vivendo na pacata cidade de Fortaleza, eu só conseguia pensar em uma coisa: “Essa criatura vai já ser assaltada, andando sozinha por aí distraída.” Pois, agora tenho outra coisa pra acrescentar: “Dito e feito!” Tenho que me lembrar que a autora também mora aqui em Fortaleza e deve ter pensado o mesmo que eu.

E agora? Quem poderá nos defender? Eis o nosso salvador: um mendigo que quase morre para ajudar Anne. (A gente se apropria do salvador dos outros mesmo.) O problema é que esse herói metade vivo e metade morto não sabia qual era o próprio nome durante os últimos 10 anos.

A partir daí, a história se desenrola com uma série de troca de favores, onde Anne usa todos os recursos disponíveis e sacrifica a alma para ajudá-lo a responder algumas questões existenciais do tipo “Quem sou?”, “De onde vim?” e “Para onde irei?”. Afinal, ele quase deu a vida por ela. Ela não devia agora ajudar o coitadinho a ter uma vida que ficou perdida na memória? Sim, devia, não vamos ser insensíveis, e se você ler o livro vai começar a querer ajudar mais mendigos por aí também.

Preciso dizer que esse livro me causou uma ressaca literária. Comecei com expectativas normais, porém foi mais do que eu esperava. A história é muito dinâmica, e apesar de revelar o mistério aos poucos, em nenhum momento me senti entediada. Achei os protagonistas bem decididos quanto ao que fazer após cada etapa e isso manteve o ritmo e o suspense, sem enrolação desnecessária. Eu não conseguia parar de pensar em John, até quando eu não estava lendo o livro. Agora, já finalizado, não consigo me despedir dele. (Anne, te entendo amiga…)

Anne é muito corajosa e prestativa, além de curiosa. (Porque curiosidade é tudo, né?) John é misterioso, educado, simples e tem a memória pior que a minha Aleluia! Algo que achei interessante é que não é um romance proibido para diabéticos. O foco aqui é o suspense. O romance ficou tão em segundo plano que por um tempo achei mesmo que não ia dar em nada. O problema é que você se apaixona pelo personagem muito rápido e fica louca pra que algo aconteça ao mesmo tempo em que quer mais respostas para o mistério. Fiquei muito presa a isso, e agora nem o lindo do John pode me libertar.

O livro também é todo baseado em músicas palmas, palmas da banda The Civil Wars e é fácil suar os olhos quando você vê como a autora usou isso pra guiar a história.

A Nicole, autora do livro, é uma amiga nossa, parte do grupo Damas Literárias que uniu forças graças a eventos literários aqui na cidade, e ela é a dama escritora. Sorte nossa, né?! Ela desenvolveu um método legal em que conta histórias em 29 capítulos. Achei bem curioso e se você quiser saber mais sobre o 29Chapters é só clicar no site dela no final deste post.

Não deixem de conhecer Anne e John e todo o passado e música que ronda essa história. O livro está em formato eletrônico, e talvez uma versão física esteja à caminho! Indico muito, mas dou um alerta: Melhor se preparar para a ressaca literária, porque John não vai querer dizer “Tchau” quando a história terminar.

Site da autora: http://chavesnicole.com/

Link para compra na Amazon: Notas de Violet: The Violet Hour

Por Lua


Não vale dar uma de John e esquecer de seguir nossas redes sociais! Prometo que é rapidinho:
#Facebook  #Instagram  #Twitter #Skoob #Wattpad #LuvBook
Desafios Literários · Tags Literarias

#TAG Desafio Literário: Livros para se Apaixonar

Olá, beautiful people! Falou em romance me vem logo na cabeça Nicholas Sparks, então isso foi um pequeno spoiler de como está esse desafio hoje e me faz lembrar também que nunca mais li nada dele. #BateuUmaBadNow  Enfim, vamos a essa tag e difícil vai ser não se apaixonar por esses protagonistas depois viu?! Aqui embaixo vocês podem ver de onde tiramos a TAG (do marcador da Cultura sim, porque somos criativas e sim, queremos ser patrocinadas kkkkk). Brincadeira ou não, joguei no ar!

  • Um livro com um triângulo amoroso

Lua: A Seleção, da Kiera Cass! Não poderia ter outro aqui, certo? Certo. América-tortinha-de-morango não consegue se decidir entre Maxon e Aspen, embora eu mesma não entenda o dilema. #TeamMaxon

Links para compra na Amazon: A Seleção / A Elite / A Escolha

Téh: Jogos Vorazes, Suzanne Collins. Vorazes no amor também! Mas nessa categoria do desafio eu percebi como são poucos os livros que li que tinha triangulo amoroso. Sério, eu pensei q seria fácil porque existe tanto isso na TV, mas me surpreendi e vi como os livros realmente são o lugar que devo estar! E sim, Katniss, Peeta e Gale formaram um baita trio, num foi? Nossa, eu gostava mais de um do que do outro, mas depois aceitei bem.

Links para compra na Amazon: Jogos Vorazes / Em Chamas / A Esperança

  • Um livro em que o protagonista foge

Lua: MEL DELS. Nada melhor do trazer a rainha viva dos romances de época, Julia Quinn, com o livro 2 da série O Quarteto das Smythe-Smith: Uma Noite Como Esta. Daniel Smyth-Smith teve que trocar a vida de conde pela de fugitivo por três anos só por ter o azar de ganhar um jogo de cartas e acertar uma bala na perna do seu alucinado adversário. Para agitar mais a coisa toda ele se apaixona por outra fugitiva. Quem disse que “os opostos se atraem” não conhecia Daniel e Anne.

Link para compra na Amazon: Uma Noite Como Esta

Téh: Cidades de papel, John Green. A Margo é aquela personagem que você gosta e odeia. Ela tem umas sacadas geniais, pensa além dos outros e é super geniosa. Ai a guria tem uma noite cheia de aventuras com o Quentin e no dia seguinte some como se não devesse nada a ninguém. Mas ela devia a gasolina do carro do Q porque o pobre nem cobrou por passar a madrugada correndo de carro com ela pela cidade. Pois é, ela foge/desaparece/evapora enfim, o fato é que ela já fazia isso e os pais achavam aquilo normal, mas não dessa vez. E o bobo do Q vai atrás dela porque acha q ela queria ser encontrada.

Link para compra na Amazon: Cidades de Papel

  • Um livro com mais de um ponto de vista

Lua: Convergente, Veronica Roth. Minha memória de acetona não me permite lembrar quantos pontos de vista tem os dois primeiros livros da série. Mas, o terceiro traz o ângulo da TRISteza e do Tobias… quem leu sabe bem o motivo disso.

Link para compra na Amazon: Convergente

Téh: Como eu era antes de Você, Jojo Moyes. Quem não conhece o livro, conhece o filme. Nele tem o ponto de vista principal da Louisa Clark e vários outros, como da irmã dela, do Pai do Will e do cuidador do Will, entre outros. É bem bonito e faz a gente pensar, sofrer e chorar! Mas damos risadas também com o humor negro do Will e as trapalhadas da Lou.

Link para compra na Amazon: Como Eu Era Antes de Você

  • Uma história de amor baseada em fatos reais

Lua: Para Sempre, Kim Carpenter. Tem o filme dessa história que, por incrível que pareça, gostei mais que o livro. O autor conta a história de como ele e a esposa, Cricket – nome de grilo – se apaixonam e depois enfrentam as consequências terríveis de um acidente. História emocionante, super recomendada e não tão nova.

Link para compra na Amazon: Para Sempre

Téh: Para Sempre, Kim Carpenter. Eu e a Lua pensamos no mesmo! Não é coincidência, a gente tem gosto parecido. Bom, é linda essa historia de amor que acaba nos iludindo na vida real. O filme tem umas coisas diferentes do livro, mas os dois ficaram emocionantes!

  • Um livro que se passa em um lugar que você sempre quis visitar

Lua: Que difícil, hein?! Qualquer lugar fora do Brasil e dentro da Europa, América do Norte e Austrália é elegível para mim. Posso dizer de novo A Seleção? Quero visitar Illéa, poxa! Ok, ok… vamos a lugares reais: Londres. Pode ser a da era vitoriana? Não?! Então, vamos de Um Dia, do David Nicholls. Tenho esse livro a mais de 2 anos e não consigo finalizar, como já falei algumas zilhões de vezes aqui. Mas, Londres é Londres independente do livro.

Link para compra na Amazon: Um Dia

Téh: Bom, aqui vai duas indicações de dois Nicks. Primeiro o mesmo que minha amiga indicou: Um dia, David Nicholls que se passa em Londres e já é muito amor dai. E que, diferente dela, é um dos livros que mais gosto. E o outro Nick é o Sparks com A Última Música que acontece na Carolina do Norte, berço de praticamente todos os livros dele. Eu não pensava nesse lugar antes, só depois da grande influência do autor que vi o lugar e é apaixonante!

Link para compra na Amazon: A Última Música

  • Um livro com reencontro amoroso

Lua: Sem dúvida, Querido John, do autor que mais jogou ciscos poderosos nos meus olhos, Nicholas Sparks. A maior parte do tempo o casalzinho fica separado, pelo que me lembro. E o reencontro foi algo que até hoje eu queria não ter lido.

Link para compra na Amazon: Querido John

Téh: Um perfeito cavalheiro (Os Bridgertons), Julia Quinn. Benedict e Sophie vivem um conto de fadas. Sim esse livro é uma releitura da Cinderela, mas com uma boa dose do conteúdo que a Julia Rainha sabe fazer de melhor. Confesso que no começo desanimei, pensei: “Julia, mulher, tu vai fazer a Cinderela de novo? Sério?” Todavia, ela não deixou por menos! Ai vocês já imaginam que acontece tudo aquilo de fuga à meia noite e coisa e tal. Anos se passam para que eles tenham o reencontro amoroso. Depois dai a historia é melhorada a vários níveis! Vale a pena.

Link para compra na Amazon: Um Perfeito Cavalheiro

  • Um livro que virou filme

Lua: Jogos Vorazes, da Suzanne Collins! Quem disse que eu ia deixar a linda da Katniss é verdin de fora da minha lista?? Só não citei esse livro no tópico de triângulo amoroso porque acredito que aqui era mais um ciclo amoroso: Gale amava Katniss, Katniss amava Peeta e Peeta amava G…não pera, amava Katniss. Ninguém amava o Gale, só eu mesmo. O importante é que virou não um filme, mas 4!

Téh: Diário de uma Paixão, Nicholas Sparks. Assisti primeiro o filme e fiquei com vergonha de tanto que chorei na frente dos outros. Soube que tinha livro depois, então li e só amei mais ainda. E nem tenho muito o que dizer além de que é um dos meus filmes/livros favoritos da vida inteira!

Link para compra na Amazon: Diário de Uma Paixão

Agora, chegou a hora de socializar! Desafiamos alguns dos nossos blogs parceiros para responder o desafio! Seguem os links para vocês conhecerem e quem quiser responder também fique à vontade, você é livre! Marca a gente nas suas respostas. Pode até ser em qualquer rede social. ❤

PartiuLer

NoCasoUmaBookaholic

Nicole Chaves


Já seguiu as nossas redes sociais? Juro que é mais rápido que terminar de ler e não estar apaixonada por esse desafio:
#Facebook  #Instagram  #Twitter #Skoob #Wattpad #LuvBook
Resenhas

#Resenha Uma Noite Como Esta (Série O Quarteto das Smythe-Smith) – Julia Quinn

Temos o prazer de receber, mais uma vez, nossa convidada de honra aqui no blog: Julia Quinn! Eu sei, ela está quase morando aqui nas páginas de cada post. Mas, a pessoa faz séries infinitas, né… não tenho culpa! E nem acho ruim… haha

Vamos falar do segundo livro do quarteto mais famoso do mundo, o livro Uma Noite Como Esta. E te prometo que vai ser sobre uma noite quente como a de hoje mesmo. Só que em outro sentido.

Esse livro conta a história do Daniel Smythe-Smith, conde de Winsted, irmão de Honória, melhor amigo de Marcus Holroyd e fugitivo do século. Lembram que ele tinha saído nos tapas com um amigo filho de um marquês alguns anos atrás? Nossos amigos Marcus e Honória nos contaram essa história no livro 1. Mas, aqui podemos entender de forma detalhada como tudo aconteceu e, a partir daí, ele foge para as colinas por 3 anos de sua beautiful life, até que o carinha que levou o tiro o perdoa e ele acaba voltando para Londres na noite do último recital de Honória. E já chegou metendo o tabefe de novo, percebam!

Foi exatamente esta a noite quente que inspirou o título do livro. A noite em que ele conhece a Senhorita Anne Wynter, governanta das primas dele, pianista Smythe-Smith fake por uma noite e… fugitiva do milênio. Ele se apaixona enquanto ela toca piano horrivelmente, o que é um grande feito na minha opinião. Ainda na mesma noite eles se encontram e borboletas voam no estomago, o ar some durante o encontro tenso e Anne se apaixona antes que possa colocar o pé em casa novamente. Pronto, rápido assim. Porém, a história só estava começando.

Daniel observou a moça deixar o ar escapar, alongar os dedos e… Ela levantou os olhos. O tempo parou. Simplesmente parou. Era o modo mais piegas e clichê de descrever, mas aqueles poucos segundos em que o rosto dela se ergueu na direção dele… pareceram se esticar e se estender, dissolvendo-se na eternidade.

Anne acaba descobrindo que ele é o famosíssimo conde de Winsted e ela só uma governanta que, dado seu passado, não pode se dar ao luxo de perder o emprego por se envolver com um conde (Nem nós, querida Anne. Hoje tá difícil até emprego, o que dirá condes). Então, a história vai se desenrolando com as tentativas de Daniel de conhecer Anne melhor, criando todo tipo de situação para encontrá-la sem que outros percebam que foi proposital. Bem obcecado mesmo.

Essa primeira metade do livro foi bem parada, em minha opinião. Os diálogos não me prenderam e só vi o quando Daniel tem primas loucas. Anne era quase intocável de tanto que resistiu à Daniel (como ela foi capaz eu não entendo). Era como se ela tivesse construído a muralha da China entre eles e nada parecia evoluir nesse romance.

MAS, MAS, MAS, a segunda metade do livro foi a que valeu a pena. Ou a galinha. O galinheiro todo e um galo a mais de brinde. Foi quando o passado e segredo de Anne foram revelados e seu perseguidor começa a marcar presença. O que faltou de ação antes foi compensado aqui. Amei a reviravolta que aconteceu, com direito a um casal fugitivo, um ex-vilão reformado, um atual vilão vaidoso, Marcus – ai meu coração – Holroyd, e mais uma bocado de gente em um plot bem Sherlock Holmes.

Daniel é um personagem protetor, amigo, inteligente, sociável e respeitoso. Diferente de Marcus, ele é mais emocional do que racional e amei ver os dois velhos amigos juntos em várias cenas.

Anne é misteriosa, determinada, respeitável, experiente e muito realista. A vida sofrida criou essa personalidade. Ainda assim, ela é cheia de amor pra dar.

Essa foi uma diferença digna de ser notada: aqui o romântico apaixonado, escrevendo iniciais no papel e revirando o mundo atrás do amor é o Daniel. Anne parece estar acima dos próprios sentimentos e coloca todos no seu devido lugar. Ela não é mais uma adolescente boba suspirando por um carinha bonito e rico, mas sim uma mulher decidida a se manter com o próprio emprego e honra. Nem que seja fugindo e se escondendo em cada buraco do mundo. Além de fugitiva e independente ela ainda se mantem linda de morrer. Imagino os filhos desse casal de aparência injustamente perfeita. Parece que Londres manteve todo o estoque de gente bonita da época.

A capa do livro foi a que menos gostei dos 4. Eu ficava confusa sobre se a moça do vestido verde estava de frente ou de costas (juro que se tirassem os braços eu não seria capaz de identificar), mas isso me foi esclarecido depois.

Indico a leitura do livro e insisto que não desistam no começo. Nem tudo é perfeito, ok?! Eu estava pronta para uma resenha negativa até o meio do livro. Daniel e Anne demoraram, mas no fim conquistaram meu coração ao enfrentar tantos desafios, segredos e perseguidores. Espero que esses dois conquistem vocês também, e que vocês se sintam como ex-fugitivos presos por essa narrativa de mistério, romance e ação.

 

Para comprar o livro verde é só clicar na foto:

Por Lua


Já seguiu as nossas redes sociais? Juro que é mais fácil que subir colina, prometo:
#Facebook  #Instagram  #Twitter #Skoob #Wattpad #LuvBook
LiteraMix

#MêsGeekAmazon OLHA A PROMOÇÃO! QUEM QUER CUPOM?

aleph

O mês de Maio vai ser o paraíso dos leitores e seria o terror das nossas carteiras se não fossem as trocentas promoções no site da Amazon. Olha só o que você pode aproveitar:

EDITORA ALEPH 60% OFF
Pra quem é apaixonado pelo Universo Geek, a Amazon tá com promoção de até 60% de desconto nos livros da Editora Aleph até 7/5/2017! E, como se não bastasse, você pode usar o cupom ALEPH10 e ganhar ainda mais R$ 10,00 de desconto nas compras acima de R$ 100,00!
Que tal completar aquela coleção de Star Wars que você pensou que levaria 84 anos para conseguir? É só clicar aqui >> Aleph 60% OFF << ,adicionar ao carrinho e inserir o código do cupom!

EDITORA COSAC NAIFY
Outra para os ligeirinhos de plantão! Você escolhe um livro nessa página >> Cosac Naify 20% OFF << e depois de adicionar ao carrinho é só usar o cupom COSAC20 válido até o dia 7/5/2017!!!!!

LIVROS GAME OF THRONES
E para ter 10% de desconto nessa série vencedora do Emmy de melhor série de drama é só clicar nesse link >> Livros Game Of Thrones 10% OFF << e usar o cupom GOT10 até dia 12/5/2017!!!

Não demorem, os cupons tem validade – alegria de pobre dura pouco, né? Mas, vamos concordar: mesmo sendo rico você não precisa perder esses clássicos!